Quais as fases de desenvolvimento do cachorro?

Conhecer as fases de crescimento do cachorro vai ajudar os seus donos a cuidar melhor dele. Tal como nos humanos, as necessidades de alimentação, educação e cuidados de saúde variam consoante a idade. Por isso, é importante adequar todos eles à fase em que se encontra o cão.

Fases de desenvolvimento do cachorro

Neo-Natal – do nascimento às 2 semanas

Nesta fase, o cachorro é totalmente dependente da sua mãe. Quer no que diz respeito à alimentação, quer na limpeza. Assim, nesta fase, o cachorro tem pouco movimento, conseguindo apenas rastejar lentamente. Os sentidos que estão presentes são o tato e o paladar.

Transacional – das 2 às 4 semanas

Nesta fase de transição, os sentidos começam a desenvolver. Os olhos abrem, a audição e o olfato desenvolvem-se. Os cachorros começam a interagir de forma ativa com a mãe e o resto da ninhada. Começam também a andar, ladrar e a abanar a cauda.
É também nesta fase que os cachorros começam o desmame. Por volta das 3 semanas, devem começar a comer alimento sólido, de forma progressiva.

Socialização – das 3 às 16 semanas

Entre as 4 e as 6 semanas, a socialização dos cachorros faz-se dentro da sua ninhada e com a sua mãe. Nesta fase, o comportamento da mãe é determinante para o comportamento dos cachorros. Assim, se a mãe tiver medo de pessoas, por exemplo, isso irá influenciar o processo de socialização dos seus filhotes junto de pessoas.
Por isso, é essencial colocar o cachorro em contacto com pessoas variadas nesta fase, o mais possível. A socialização com crianças deve sempre ser supervisionada, para segurança de ambos.

Além de pessoas, é importante habituar o cachorro a diferentes situações normais do dia-a-dia, como:
  • barulho de utensílios domésticos
  • viagens de carro
  • campainha da porta
  • caixa de transporte

Estabelecimento de hierarquia – 4 a 6 meses

Nesta fase, o cachorro tem muita energia e deve ser exercitado. No entanto, é preciso atenção para não exagerar. É nesta altura que os cachorros procuram encontrar o seu lugar na hierarquia. Isto significa que podem começar a testar limites, pelo que é preciso ser firme para continuar a socialização adequada.

Adolescência e reforço de socialização – 6 a 12 meses

A adolescência é marcada por alguma insubordinação. Por isso, é essencial continuar o processo de treino e socialização, para que o cão se saiba comportar em sociedade. Afinal, vai querer ir com ele à rua, onde estão outros cães e pessoas. Quanto mais familiarizado com a nossa realidade estiver o cão, mais confortável estará.

Maturidade social – 1 a 2 anos

O cachorro deixa de ser um cachorro! A socialização é sempre importante, para reforçar todo o treino que foi dado ao longo do tempo.

Ao saber as fases de desenvolvimento do cachorro, poderá ajudá-lo a crescer de forma mais equilibrada e sociável.

PUB PUB