Existem alimentos prejudiciais à saúde dos cães?

Alimentos prejudiciais à saúde dos cães

De facto, existem diversos alimentos prejudiciais à saúde, que podem ser extremamente perigosos para os animais de companhia. Deixamos algumas indicações, para que tenha particular atenção e não dê aos seus animais nada que lhes possa fazer mal.

Abacate

Esta fruta tem um efeito negativo no sistema digestivo e músculo cardíaco. Os efeitos secundários decorrentes da ingestão de abacate são a letargia, dificuldades respiratórias, vómitos e diarreia.

Alhos e cebolas

A ingestão de cebola e alho tem como efeito a destruição dos glóbulos vermelhos provocando anemia. Os principais sintomas da sua ingestão por parte do animal de companhia incluem vómitos, urina vermelha e fraqueza.

Café e chá

Como estimulantes conhecidos do sistema nervoso, a sua ingestão pode suscitar distúrbios a nível do coração e sistema nervoso.

Chocolate

Possui um composto, designado teobromina, que quando ingerido em grandes quantidades se apresenta tóxico. Pode mesmo colocar os animais em perigo de vida. Os sinais clínicos de intoxicação nos cães por intermédio da ingestão de chocolate incluem vómitos, tremores musculares, diarreias, desconforto e incontinência urinária.

Cogumelos

A ingestão de diferentes tipos de cogumelos pode provocar efeitos nocivos nos animais, como:

  • diarreia
  • náuseas e vómitos
  • dor abdominal
  • insuficiência hepática
  • depressão
  • hiperatividade
  • insuficiência renal
  • convulsões
  • salivação excessiva
  • micção
  • danos no coração
  • em alguns casos, a morte

Lacticínios

Após o desmame o sistema digestivo dos animais começa a não tolerar a ingestão de lactose. Por esta razão, a ingestão de lacticínios pode provocar vómitos e diarreia.

Ossos e espinhas

A ingestão de ossos e espinhas, sobretudos os de aves, podem ter como efeitos práticos a obstrução esofágica e intestinal, podendo, inclusive, resultar em perfuração intestinal.

Peixe cru

O peixe cru é detentor de uma substância que destrói a vitamina B e poderá, ainda, conter parasitas prejudiciais aos animais de estimação. Caso entenda incluir peixe na dieta do seu companheiro de quatro patas deverá fazê-lo somente muito bem cozinhado, pois o calor destrói estas substâncias nocivas ao organismo do seu pequeno amigo.