Como tornar a casa mais segura para o bebé

ae bebe gatinhar web | Auchan&Eu

Nos primeiros meses, não existem grandes questões relativas à segurança do bebé. O importante é criar um cantinho confortável, bem arejado e um ambiente acolhedor. Quando o bebé cresce e começa a gatinhar tudo muda!

O mais importante a considerar é que não vai conseguir antecipar tudo o que o bebé vai fazer e explorar. O melhor é jogar pelo seguro… tudo vai ser motivo de exploração e os primeiros pontos de contacto são as mãos e a boca. Não parta do princípio que o bebé se vai restringir de explorar algo por medo. Nesta fase não há medos: nem de buracos, nem de escadas, nem de janelas, nem de objetos. Tudo é motivo de descoberta.

  • Lembre-se que eles são pequeninos e que conseguem passar por espaços que nem nos lembramos ser possível, incluindo grades
  • Outro ponto importante é pensarmos que eles não conseguem abrir determinados objetos, armários, portas, janelas, etc. A motricidade fina é uma conquista diária. O que é verdade de manhã, pode não ser à tarde
  • Objetos perigosos também são um elemento a identificar e a retirar do alcance: podem ser objetos com saliências, fontes de calor, cantos afiados, fios, etc
  • Manter os produtos alimentares, medicamentos e produtos de limpeza e higiene sempre fora do alcance
  • Proteger as tomadas elétricas
  • Escolher brinquedos adequados para a idade e que não constituam nenhum risco.

O mais importante de tudo é a vigilância.

Tem de existir sempre alguém atento. Se tiver de se ausentar, mesmo que por minutos, peça ajuda e avise verbalmente. Muitas vezes acontece o fenómeno “pensei que estavas a tomar conta” – a verdade é na rotina diária é natural existirem distrações e o melhor é prevenir.

Um momento particularmente sensível é a mudança de casa quando vamos de férias. Uma casa de férias ou um hotel implicam atenção dobrada porque o espaço não vai estar preparado para a chegada do bebé.