O Nutri-Score já chegou aos nossos rótulos!

Nutri-score na marca própria

O que é o Nutri-Score?

O Nutri-Score é uma escala de classificação baseada em cores e letras, para cinco classes de qualidade nutricional.

5 classes = 5 cores

A escala vai desde o verde, com a letra A, ao vermelho com a letra E. Através desta escala, comunica de forma simples e fácil as propriedades nutricionais dos alimentos. E dá claras indicações aos consumidores de quais serão as escolhas alimentares mais saudáveis.

Assim, de forma muito intuitiva, é fácil compreender que os alimentos mais saudáveis estarão à esquerda na escala, associados aos tons de verdes. E os menos saudáveis, e que deverão ser consumidos com moderação, os mais à direita na escala, em tons de vermelhos.

Este método é largamente reconhecido por autoridades de saúde, publicações científicas, associações de consumidores e pela própria indústria alimentar, que validaram os seus cálculos.

“Um código colorido ajuda consumidores apressados a comparar géneros alimentícios e a identificar de forma imediata o mais saudável”. Quem o diz é Camille Perrin, responsável pela política alimentar da organização europeia dos consumidores.

Esta nova classificação não pretende substituir a habitual informação nutricional presente nos rótulos mas sim complementá-la, para que seja mais fácil, e imediato, compreender a classificação nutricional do produto que está a comprar.

 

A que produtos se aplica o Nutri-Score?

O Nutri-Score pode ser aplicado a quatro categorias de produtos:

  1. Bebidas – Todas as bebidas que não contenham álcool, como sumos de fruta, refrigerantes ou bebidas sem gás
  2. Queijos – Toda a variedade de queijos existente
  3. Gorduras – Produtos como a manteiga, a margarina e o óleo
  4. Diversos produtos alimentares – Neste ponto estão incluídos todos os restantes produtos alimentares, como bolos, refeições prontas a comer, gelados, iogurtes, etc

Como é feito o cálculo para cada produto?

Para calcular a pontuação de cada produto, é usado um algoritmo matemático, que tem em conta a composição nutricional do produto:

Elementos a privilegiar

Fibras, percentagem de fruta, vegetais e proteína.

Elementos a limitar

Calorias, açúcares simples, ácidos gordos saturados e sódio.

O nosso compromisso para fomentar escolhas alimentares informadas

A Auchan pretende, com esta medida, contribuir para escolhas alimentares mais bem informadas, por parte dos consumidores portugueses. E assim incentivar os mesmos a tomar opções mais saudáveis.

Esperamos, até meados de 2020, ter nas nossas lojas mais de 2.000 referências com o Nutri- Score” refere Rui Oliveira, Diretor de Marca Própria da Auchan Retail Portugal.

A alimentação é uma parte essencial do bem estar das pessoas. Além disso, tem um papel muito importante no que diz respeito a prevenção de doenças e até no seu tratamento.

Ler e interpretar a informação presente nos rótulos dos produtos é por vezes difícil e pouco prático. O Nutri-Score vai contribuir para facilitar este processo e fomentar escolhas mais informadas. E mais saudáveis.

O Nutri-Score é tão simples que todos percebem.
Descubra porquê:

FAQs

O logo do Nutri-Score é colocado na face visível dos produtos alimentares manufaturados. Assim, procura ajudar os consumidores a escolherem, de forma fácil, os produtos mais interessantes no plano nutricional. Destina-se, em particular, aos consumidores com menor nível de literacia (conhecimento) nutricional. Deste modo, ajuda-os a distinguir os produtos com melhor perfil nutricional e, portanto, a privilegiar numa dieta equilibrada aqueles com pior perfil evitando-os ou limitando-os.

A finalidade de um logo nutricional, como o Nutri-Score, não é o de classificar os alimentos em “saudáveis” e “não-saudáveis” em valor absoluto. Como seria, por exemplo, o caso de um logo binário (ex. bom vs. mau). Uma tal finalidade, para um logo nutricional, seria muito discutível, já que aquela propriedade está associada à quantidade consumida do alimento e à frequência do consumo. Mas igualmente ao equilíbrio alimentar global de cada indivíduo. Estas noções complexas não podem ser resumidas por um logo nutricional, atribuído a um produto específico de uma dada marca.

Calcula-se que, na Europa, existam cerca de 200.000 produtos, para os quais seja possível calcular o Nutri-Score.

Não é esse o objetivo do Nutri-Score. Este sistema foi concebido para permitir aos consumidores uma escolha esclarecida entre diferentes produtos, comparáveis entre si mas dentro da mesma categoria alimentar.

O Nutri-Score visa capacitar os consumidores para poderem substituir, dentro da mesma categoria alimentar, os produtos menos equilibrados por aqueles com melhor qualidade nutricional global.

Visa, por exemplo, dentro dos cereais de pequeno-almoço, comparar as propostas das diferentes marcas. E não tem como propósito facilitar a escolha entre conservas, refrigerantes e cereais de pequeno almoço. Até porque não é assim que os consumidores fazem as compras, nem o hipermercado está organizado.

O Nutri-Score avalia “somente” a qualidade nutricional dos alimentos e não os aditivos, pesticidas ou o grau de transformação destes mesmos alimentos. Não se propõe ser um sistema de informação sobre a dimensão sanitária global dos alimentos.

Aliás, o mesmo se passa com outros sistemas de classificação concorrentes do Nutri-Score. De facto, não existe base científica válida que permita propor uma classificação única dos alimentos, tendo em conta a respetiva composição nutricional e a presença de moléculas indesejáveis (aditivos preocupantes, resíduos de pesticidas etc.).

Assim, não é ainda possível de ponderar, num único algoritmo, a contribuição respetiva de cada uma das variáveis. Isto em nada impede os consumidores de escolherem os alimentos que apresentam o melhor Nutri-Score, sem ou com a menor presença de aditivos problemáticos na sua lista de ingredientes.

PUB PUB