5 dicas para começar a praticar exercício físico

A nutricionista Maria Gama, autora do blog Põe-te na linha dá-lhe algumas dicas para iniciar a prática de exercício físico.

As férias e o verão são uma ótima altura para continuar, ou quem sabe, começar a praticar exercício físico. Fora da pressão do dia de trabalho e do trânsito, com dias mais longos e sem stress, há outra motivação para nos conseguirmos organizar nesse sentido. Para muitos de nós, a prática de exercício é uma barreira e limitação no nosso dia-a-dia. A falta de tempo, o não gostarmos do exercício x ou y, ou então o não nos sentirmos bem em ir para o ginásio são alguns dos fatores que contribuem para não praticarmos exercício físico. No entanto, acredito que se nos superarmos e nos desafiarmos, podemos começar a gostar, pois eu sou a prova disso. Comecei a correr há dois anos e meio, não gostava e cansava-me imenso no inicio. Com o passar do tempo, com motivação e superação, foi começando a fazer parte do meu dia-a-dia, da minha semana e da minha agenda. Hoje em dia organizo-me nesse sentido.

  1. Devagar: É meio caminho andado para que tudo corra bem. Um grande erro para quem começa a praticar exercício físico é querer fazer tudo de uma vez. Sendo assim, quando começamos a praticar exercício físico muitas vezes queremos fazer tudo no primeiro treino, ficamos doridos e deixamos de o fazer durante uns dias. Mais vale ir dia sim dia não para ser sustentável ao longo do tempo. Comece devagar para que seja um hábito para ficar na sua vida e no seu dia-a-dia.
    .
  2. Defina na agenda: 3 ou 4 dias por semana para fazerem algum exercício físico: Por exemplo, segunda, quarta e sexta-feira caminhar durante 30 minutos! A sensação após o exercício vai ser tão positiva, vão-se sentir tão enérgicos que esta atividade vai começar a fazer parte da vossa semana.
    .
  3. Hora correta: É fundamental que o exercício não seja uma ´dor de cabeça´, senão vão deixar de o fazer em pouco tempo. Ou seja, se tiverem que tomar dois banhos, com a toda a logística que para isso é necessário, tudo se torna mais complicado. Sentem-se, olhem para a vossa agenda e definam o melhor horário para o fazer.
    .
  4. Insista e persista: Não é de um dia para o outro que começamos a ver os resultados que tanto desejamos. Tem de começar e continuar para começar a ver as diferenças no seu corpo, e assim vai ganhar mais motivação. É também importante que tenha um plano de treino adaptado a si e aos objetivos que quer alcançar.
    .
  5. Eu, sou eu: Existem pessoas que conseguem levantar muito peso, que conseguem correr muito na passadeira ou que fazem bastantes aulas seguidas. Mas cada um de nós é individual e não temos de fazer o mesmo. Primeiro que tudo, é fundamental que se valorize e que pense que ter começado a praticar exercício físico já é uma grande vitória. Lembre-se que, passo a passo, está a caminhar em direção à mudança.

Maria Gama, Nutricionista e autora do projeto Põe-te na linha
Membro da Ordem dos Nutricionistas nº1727N

Fotografias:
Rita Barreto | Still Photography

PUB PUB