O que é uma televisão OLED?

Antes de ir à parte técnica, vamos ao nome. OLED é o acrónimo para Organic Light-Emitting Diode.
Uma televisão OLED transmite imagens mais vivas, movimentos mais suaves, pretos mais marcantes e cores mais vibrantes. Tudo isto numa versão mais fina que um LCD normal.

A televisão OLED tem células orgânicas individuais atrás do ecrã, que produzem a sua fonte de luz. Este facto tem uma série de vantagens para a qualidade da imagem:

  • Pretos mais marcantes – num LCD normal, a luz é redirecionada na presença da cor preta. Na OLED, a luz é efetivamente desligada, o que resulta num preto mais profundo
  • Movimentos suaves – mesmo em imagens rápidas, o OLED garante um enorme foco
  • Ecrã fino – consegue ser mais fino do que o de muitos smartphones, pelo facto de não precisar de caixa de luz
  • Ângulo de visualização – é verdadeiramente fantástico, mesmo de um ângulo amplo
  • Consumo de energia – à partida o consumo é inferior ao de LCD

A televisão OLED é assim (de momento, pelo menos) o Everest das televisões. Se aprecia uma imagem de topo, e com um orçamento mais flexível, será o seu companheiro de grandes cinemas de cinema!

PUB PUB