Quais as diferenças entre discos externos SSD e HDD?

Com a quantidade de informação e documentos que produzimos hoje em dia, é virtualmente impossível guardar tudo no computador. Adicionalmente, ter tudo num único local é meio caminho andado para alguns sustos, caso o computador avarie.

Por isso, bom mesmo é pensar em opções, que não só tenham capacidade para tudo o que precisa. Mas também mantêm a informação segura!

Há muitas alternativas disponíveis. Uma delas são os discos externos, nomeadamente os SSD e os HDD.

Diferenças entre discos externos SSD e HDD

Muito simplesmente, um disco externo é um aparelho que se liga ao computador, para maior capacidade de armazenamento. Sem a necessidade de abrir o computador e fazer uma atualização de peças. Além disso, pode pegar no disco externo e levá-lo para qualquer lado.
Conheça as diferenças entre discos externos SSD e HDD

Embora ambas as opções sejam de aparelhos externos ao computador, e sirvam para armazenar dados, a forma como o fazem é manifestamente diferente.

SSD é a sigla aplicada a Solid State Drive. Assenta no armazenamento eletrónico em memória não-volátil. Significa isto que os dados se mantêm, mesmo depois de desligar o computador. O disco SSD funciona como as pens USB, mas com maior dimensão e capacidade de armazenamento. Assim, os dados são armazenados em micro-chips.

Já o HDD usa um braço mecânico para ler e armazenar dados. A forma como armazena os dados é através de pratos rotativos, que usam o magnetismo para guardar os dados. Na prática, a velocidade está ligada à velocidade a que o prato roda, o que obviamente limita mais a velocidade das operações. Assim, o HDD é mais lento que o SDD.

Escolher discos externos SSD ou HDD?

Ambas as opções são válidas. Tudo depende do que mais valoriza na compra de um disco externo.

Assim, se precisa de grande capacidade de armazenamento, ao mesmo tempo que mantém o investimento baixo, o disco HDD pode ser a melhor opção.

Se privilegia a velocidade, sem dúvida que o disco SSD é a alternativa a considerar.

Resumindo:

O disco externo HDD é uma boa opção se:

  • precisa de muita capacidade de armazenamento de dados (até 10 TB)
  • não pretende fazer um grande investimento

O disco externo SSD é uma boa opção se:

  • quer velocidade de leitura e gravação
  • está disposto a investir um puco mais
  • não se importa de ter menor capacidade

Conheça as nossas opções de discos externos e escolha a que fizer mais sentido para si.

PUB PUB