Um caderno que nunca acaba

Diariamente escrevemos notas e apontamentos que, muitas vezes, só são necessárias por alguns dias. São folhas e folhas de papel que se consomem. E se houvesse uma forma de escrever e poder reutilizar as folhas? Isto é o InfiniteBook.

O InfiniteBook nasceu do génio do Pedro, um estudante português.

Estava a estudar e tirava muitos apontamentos. Mas não gostava da ideia de gastar tanto papel. Por isso, pensou em soluções alternativas:

  • escrever a lápis – mas não gostava do atrito na folha
  • escrever num quadro branco – obrigava a estudar de pé e não permitia levar para as aulas

Nenhuma destas cumpria com o que ele queria ou gostava. Por isso, pensou em recriar um quadro branco, mas em formato portátil.

Assim nasceu o primeiro InfiniteBook, em formato A4.
E nasceria a empresa do Pedro.

O InfiniteBook chega agora às nossas lojas e também à loja online.

Sendo um produto novo e inovador, reunimos os principais cuidados a ter e características.

Que caneta posso usar?

É recomendado o uso dos marcadores Staedtler Lumocolor Correctable pretos e vermelhos. Outras cores e tipos de marcadores podem manchar o caderno.

Como se limpa?

Se tiver sido escrito há pouco tempo, basta limpar com um pano húmido. Não se pode limpar com água a correr da torneira. O ideal é apagar de forma regular, no máximo, semanalmente.

Caso a tinta já esteja no caderno há mais tempo, pode ser usado o kit de limpeza para melhores resultados.

Como posso guardar a informação mas reutilizar o caderno?

Pode usar uma app de scanner gratuita e guardar as imagens no seu computador.

Descubra o InfiniteBook!