Porque é que o gato dá marradinhas?

Porque é que o gato dá marradinhas?

O seu gato está sempre à porta para receber a família ao final do dia? Sim, é natural. Ele está à espera porque, quando chega alguém a casa, é preciso identificar quem é. E expandir o odor para reconfirmar que se trata mesmo de um membro do grupo.

Esfregar-se nas pernas dos humanos é uma forma eficiente de deixar o seu odor.

Porque esfregando a face (zona junto aos bigodes, e entre as orelhas e os olhos) liberta feromonas. O mesmo acontece com as patas e o flanco. As feromonas são substâncias químicas, com aromas distintos, que os gatos usam para comunicar com os outros elementos da sua espécie. Deixando o seu odor, nos humanos que escolhe, está a marcar território e a confirmar que fazem parte do grupo.

Esta marcação de território parece por vezes uma “turra ou marradinhas”.

O gato, em vez de esfregar, bate com a cabeça no nosso corpo ou, se lhe pegarmos ao colo, bate mesmo contra a nossa cara. Este gesto significa que ele está a espalhar o seu odor, mas com confiança total. Está a cumprimentar com satisfação. Nessa altura, deve retribuir o cumprimento fazendo-lhe festas na cabeça.

Os gatinhos bebés por vezes tocam com o nariz em vez de dar “marradinhas”. É um comportamento natural, que tem um significado equivalente, porque os gatos desenvolvem o odor mais depressa do que a vista. Esfregar narizes é uma forma de cumprimento e de troca de informação. Este comportamento pode acontecer com humanos, com animais da mesma espécie ou com os outros animais da casa.

PUB PUB