Leucemia felina – O que é e qual o tratamento?

Leucemia felina - O que é e qual o tratamento?

Causada pelo vírus FeLV, a Leucemia felina é uma doença crónica que compromete as defesas imunológicas dos gatos domésticos. Desta forma, torna-os mais debilitados e suscetíveis ao aparecimento de infeções secundárias e tumores.

A transmissão tem lugar pelo contacto do animal saudável com secreções (sangue, saliva e urina) de um gato doente. Também é possível pela partilha de taças de comida e de água ou por mordeduras. O contágio de mães para filhos também acontece.

Os sintomas são variáveis mas incluem:

  • depressão
  • dificuldade em comer
  • perda de apetite e de peso
  • febre

Não existe tratamento específico para a Leucemia felina

Os procedimentos disponíveis consistem apenas em evitar os efeitos que esta doença provoca, ao combater as infeções secundárias para que o animal tenha uma melhor qualidade de vida, durante o maior tempo possível.
Os gatos com leucemia não devem ter acesso ao ambiente exterior, pois são uma fonte de infeção, assim como pelo facto de serem mais suscetíveis.

Vacinação e impedir o contacto com gatos com estado sanitário desconhecido são as melhores formas de prevenção. A vacina deve ser administrada a animais que possuam um risco elevado, isto é, a gatos que tenham acesso ao exterior.