O meu gato tem Mycoplasma, o que fazer?

A mycoplasmose é uma doença do sangue, causada pela picada de parasitas infetados pela bactéria (Mycoplasma), que causa a destruição dos glóbulos vermelhos. O parasita mais comum, em gatos, é a pulga.

Quais os sintomas da mycoplasmose?

Em muitos casos, a doença poderá passar despercebida, não causando qualquer sintoma. Mas em gatos muito jovens, ou séniores, pode causar anemia grave ou doenças do foro respiratório, como bronquite ou pneumonia.

Os sintomas mais comuns são:

  • Febres altas
  • Falta de apetite
  • Perda de peso
  • Depressão
  • Fraqueza
  • Anemia
  • Palidez das mucosas
  • Icterícia
  • Urina escura
  • Desidratação
  • Aumento do baço

O que fazer se o gato for diagnosticado com mycoplasma?

A mycoplasmose é uma doença curável. Mediante diagnóstico, o tratamento pode variar com a gravidade dos sintomas e a localização da infeção. No entanto, o tratamento mais comum é feito com antibióticos, embora nem sempre sejam eficazes.
No tratamento desta doença a maioria dos gatos irá precisar de pelo menos 21 dias de antibiótico para combater a infeção.
Se a doença estiver muito avançada, poderá ser necessário efetuar uma transfusão sanguínea e internamento hospitalar.

Mesmo com tratamento, o gato poderá ficar como portador da doença por um longo período de tempo, ou até toda a vida. Mas de forma assintomático, ou seja, sem sintomas.

Como prevenir a mycoplasmose?

Como em todas as doenças causadas por parasitas, a melhor prevenção é prevenir a infestação parasitária, efetuando desparasitações regulares. Assim, embora haja épocas mais perigosas para o aparecimento de parasitas, os cuidados devem ser mantidos durante todo o ano. Mesmo para os gatos que não saiam de casa, pois os parasitas poderão ser trazidas pelos donos para casa.

PUB PUB