Cão de Castro Laboreiro

Cão de Castro Laboreiro

Com a rústica expressão severa e rude de um montanhês, é um companheiro leal e dócil.

O Cão de Castro Laboreiro, de tipo Mastiff, era utilizado para proteger o rebanho contra os lobos. É indispensável na proteção do gado contra ataques dos lobos e é uma sentinela ideal, pela vigilância constante que exerce sobre os pontos que lhe foram confiados, rondando-os com frequência.

  • Família: Pastoreio, Pecuária
  • Origem: Portugal
  • Função original: Pastor de ovelhas
  • Tamanho e Peso médio do macho: Alt.: 52-60 cm; Peso: 30-40 kg
  • Tamanho e Peso médio da fêmea: Alt.: 52-60 cm; Peso: 20-30 kg
  • Expectativa de vida: 10-12 anos
  • Outros nomes: Portuguese Watchdog
  • Posição no ranking de inteligência: Raça ainda não reconhecida

Temperamento

O Cão de Castro Laboreiro é um companheiro leal e dócil para os donos, ainda que tenha a rústica expressão severa e rude de um montanhês. É robusto e desembaraçado e ágil nos seus movimentos.

Cuidados a ter

Tem necessidade de espaço e de bastante exercício. Os cuidados a ter com o pelo são mínimos, exigindo apenas uma escovagem ocasional.

Adaptado a

Exterior.

Características inatas

É um cão cuja prioridade é proteger a família e a propriedade. Pode ser algo agressivo e mostrar-se hostil com estranhos sem, contudo, entrar em conflito direto. Devido à sua proximidade com a espécie lupina, somente tolera ordens dos seus donos, aceitando mal qualquer ensinamento de outra pessoa.

Problemas de saúde mais comuns

Displasia da anca e cotovelos.

 

Fotografia gentilmente cedida por:”Campos do Outeiro”