Como é que eles se podem entreter sozinhos?

Ter um adulto disponível para brincar é sempre bom. O adulto estimula a criança tornando a brincadeira muito mais dinâmica. O tempo de qualidade diário para brincar com os pais é muito importante, mas a criança pequena também deve conseguir ter momentos do dia em que consegue brincar sozinha.

Como estimular a criança a entreter-se com os seus brinquedos e a criar a sua própria brincadeira?

Isto é especialmente importante em crianças com menos de dois anos.

  1. Sugerir e pre-organizar uma brincadeira
  2. Optar pelos brinquedos preferidos da criança
  3. Escolher e delimitar um espaço físico para a brincadeira, próximo do adulto que está presente
  4. Eliminar os pontos de distração – aparelhos ligados, como o computador, a televisão, o telemóvel, etc
  5. Incentivar e relançar a brincadeira sempre que a criança desistir

Cada criança tem o seu ritmo e o seu mundo interior. Há crianças que se vão envolver na brincadeira, e conseguir estar mais de meia hora a brincar de seguida. Outras vão distrair-se e voltar a solicitar a atenção do adulto. Com o tempo, todas conseguem começar a usar a imaginação e criar as suas próprias brincadeiras, sem precisar de apoio constante.