O que são os prebióticos do leite materno?

O que são prebióticos no leite materno?

A definição formal de um prebiótico é um componente alimentar não digerível que possui propriedades benéficas para a saúde ao estimular seletivamente o crescimento ou a atividade de determinados microrganismos da flora intestinal normal. (in Priberam Dicionário)

Estes micro-organismos compõem a flora intestinal do bebé, ou seja, ajudam na digestão dos alimentos. No caso do bebé estar a ser amamentado, essa flora é composta sobretudo por bifidobactérias e lactobacilos, que são na verdade “bactérias benéficas”. A flora intestinal também tem uma vertente protetora, uma que vez que funciona como barreira física ao impedir a proliferação de bactérias nocivas e eliminar microrganismos que podem apresentar risco para a saúde.

O colostro e o leite materno são alimentos que contêm prebióticos que protegem o bebé e reforçam a sua imunidade. Durante a amamentação, os micro-organismos naturalmente presentes no leite materno são transferidos para o bebé, ajudando na formação da sua flora intestinal e no desenvolvimento de seu sistema imunológico.

Qual a diferença entre prebiótico e probiótico?

Os prebióticos não são bactérias, são fonte de alimento para que os probióticos possam proliferar na flora intestinal. Ou seja, os prebióticos são substâncias que funcionam como alimento para os probióticos. Pode-se dizer que o leite materno é rico em prebióticos e probióticos! O leite materno é insubstituível no desenvolvimento e composição da flora intestinal da criança.

PUB PUB